… bem depois da virada do ano: O Reveillon em Miami!

Depois de um tempão e de sofrer pressão por parte da minha cunhada, a qual estive visitando no final começo de ano, vou colocar algumas fotinhas (família) do nosso super reveillon em Miami e contar um pouquinho da comemoração americana.

Esta foi a segunda vez que passei uma virada de ano nos Estados Unidos e confesso que a sensação/emoção que bate todo final começo de ano é a mesma em qualquer lugar que você esteja. O que muda é a forma como cada um comemora esta data. Nós, brasileiros, temos um monte de manias, crenças e rituais para entrar em um novo ano. Cada região com o seu costume, mas de um modo geral o Brasil comemora uma virada de ano bem alegre, descontraída e regada a muito champagne.

Nas Américas, 31 de dezembro é com um outro dia qualquer, as pessoas não parecem se importar com esta data e quando chega a noite aquela sensação bye bye ano velho parece não existir. Quando se está acostumado ao modo brasileiro, a gente estranha essa falta de empolgação americana. A noite parece mais com uma festa normal do que com uma virada. As pessoas se vestem formais, vestidos sociais e em sua maioria na cor preta. Não existem tradições como comer lentilha, 7 uvas, pular ondinhas, usar branco, banho de champagne, etc. Na verdade nós éramos as únicas pessoas a estar usando alguma peça branca no local naquela ocasião.

Para não deixar minha cunhada chupando o dedo sozinha, reservamos uma mesa no “Intercontinental Hotel” em Miami, onde ela passaria suas últimas horas do ano ralando trabalhando. Foi bem legal, acho que conseguimos animar bastante o ano novo dela e o nosso também. Mesmo com todos os detalhes culturais diferentes a chegada de 2008 foi bem próspera. Comemos muito bem, bebemos “muito” e bem, nos divertimos de montão e os prometidos fogos de artifícios aconteceram conforme manda o figurino e na hora certa, oba! Sem ondinhas e banho de champagne desta vez. Conhecemos pessoas diferentes e fomos maravilhosamente bem servidos por uma bargirl super simpática que com carisma conquista qualquer cliente… E isso claro, rendeu-lhe boas caixinhas logo no 1º de janeiro. Quer melhor provisão para um começo de ano? Divertimento, viajem e $_$ ?

Vivam as Américas!
Eu e o Bibo antes da virada.
Eu e o Maridex no Hotel em Miami.
Galera se divertindo no bar do hotel.
Galera Having Fun. Detalhe da foto: quase ninguém de branco…
Amigos que fizemos...
Amigos que fizemos.
Famìia Kauf unida.
Kaufamily reunida!
Tadinha da Rô, trabalhar no revillon não é fácil, mas pense pelo lado bom... $$$
Rô ralando no fim de ano… ainda bem que estávamos lá para dar uma animada ein?! Mas veja pelo lado bom… rendeu um bom troco!!

Criadora e editora do blog, adora colocar os pés na estrada! Está sempre planejando uma nova viagem. Sua Bucket List é enorme (e azul), dificilmente irá conhecer todos os destinos que deseja, mas continua esperançosa!

8 Comentários

  • Margarida

    Carol

    Estou a seguir os seus posts com atenção porque estamos a programar uma viagem a Miami com uns amigos talvez mesmo no final-de-ano!
    Sabe que aqui em Portugal também não damos assim tanta importância ás comemorações da passagem de ano.Geralmente as pessoas reunem-se em casa de amigos ou nos hoteis mas não há muita tradição de passar o ano na rua,excepto na Ilha da Madeira onde fazem o maior fogo de artifício do mundo…sim…maior do que o do Rio…hehehe
    Um ano destes tem que ir passar o reiveillon a Vienna!!Muito frio,muita animação nas ruas e muitas barraquinhas vendendo os famosos "bratwurst" e bebidas quentes,uma espécie de licor com uma versão sem alcool para as crianças!!Á meia noite as pessoas se reunem em frente á "Rathaus"(Câmara Municipal)para ver o fogo de artifício e ouvir as famosas Valsas Vienenses!!
    Já está a treinar o seu Alemão com o cursinho da net?

    Beijos

  • Carol Wieser | Trave

    Margarida

    Pois é, acho que o Brasil é um dos poucos lugares que faz um alvoroço no Ano Novo. Te confesso que sinto falta dessa agitação toda quando passo o reveillon fora daqui. Mas por outro lado é sempre bom conhecer a cultura e maneiras de cada lugar.
    Sobre Vienna, você têm feito uma super propaganda da Europa que logo logo, vou conferir tudo isso sim. São tantos lugares, mas Vienna é com certeza um destino essencial na planilha. Afinal, preciso começar a treinar meu alemão!! :p

    OBS: Agora que reanimei o meu mundo virtual blogueiro (eu tava um pouco sumida), vou colocar todos os detalhes da nossa viagem a Key West também. É uma boa opção para se conhecer quando você for à Miami, além de ser perto (aprox. 300 km), o trajeto possui paisagens exuberantes que tiram o fôlego de qualquer um.

    Super beijos

  • Vivien

    Olá amiga!

    Quanto tempo!!
    Lindas suas fotos e que viagem maravilhosa!!!!
    Como ta a vida?! Trabalhando muito? Morando ainda em Curitiba? Estávamos na Páscoa lá, pensei em te ligar, mas imaginei que tavas na praia ou passeando, alias temos que aproveitar os feriados!
    Bjus pra ti e tua família!

  • Andrea

    Lendo seu Blog, achei que vc é a pessoa certa se puder me ajudar, eu passarei o Reveillon em Miami com minha familia, mas pouco encontro falando de Reveillon lá na internet, descobri o porque em seu Blog (não tem o glamour da nossa virada).
    Mas preciso mostrar serviço em casa e chegar lá com tudo esquematizado, porisso vc que teve a experiencia de passar um lá poderia me dizer onde é a melhor (ou maior) queima de fogos lá? E que localização? perto de quê? Sabe eu preciso procurar uma hotel pra ficar com a família e quanto mais passa mais caro fica. rsrsrsr. E até agora eu só sei que lá tem queima de fogos por causa de seu relato.
    Minha família vai estranhar já que moramos no Rio de Janeiro .
    Te agradeço muito, Andréa

    Adorei seus relatos de viagem

  • Carol Wieser | Trave

    Oi Andrea,

    Acredito que os 2 melhores lugares pra ter um pouco mais de agito e eventualmente ver o fogos de artifícios são Downtown (centro de Miami), e South Beach.

    Em Downtown, a região perto do Bayside Market, enche na noite da virada e por ali você consegue ver os fogos de artifícios sobre a Baía. Já em South Beach, acredito que a Lincoln Road deva encher e deve ser muito animado por lá também. Mas como eu disse, não espere banho de champagne e super produções, que o Reveillon por lá é beeeeem diferente do nosso, especialmente do Rio de Janeiro. Bem mais simples, sem grandes importâncias, mas com seus encantos também.

    Uma boa pedida é você reservarem um jantar em algum hotel, já que a maioria deles oferecem esse serviço em grande estilo! Mas de qualquer maneira eu espero ter ajudado e que o Reveillon de vocês seja ótimo!!!

    Abraços

  • Guilherme

    Ola, realmente os restaurantes brasileiros de nome poderiam fazer um planejamento com antecedencia e anunciar no web site com preco acessivel tambem,moro aqui a muitos anos e primeira vez que vou passar Miami,fl. Se voce conhecer alguem que passou o reveillon em uma churrascaria ou restaurante. Obrigado!

  • Guilherme

    Tambem sou de Curitiba e resido no East Coast,proximo de New York, propaganda na globo,somente de festas brasileiras no estado de MA, la deve ser animado porem e frio na rua e nao a praia rsrs.Ja viajei para Miami Beach a passeio,so que como falei nunca para o Ano Novo.Por gentileza me informe de alguma novidade do Ano Novo em Miami Beach se voce souber.

    Obrigado!

Deixe uma resposta para Andrea Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.