Teoria da Engorda de Turistas!

Posted by & filed under .Teorias Turísticas.

com_04.jpg

Opa, finalmente um post mais filosófico! Estava achando meu blog estranho que até então não possuía filosofias de assuntos pouco filosóficos. Deu nó? Bom, este pode não ser tão polêmico, mas constatei em todas as minhas viagens e venho sustentando a “teoria da engorda” desde 94, quando fui à Disney pela primeira vez em minhas merecidas férias teenager. Quanta comida!! A começar pelo café da manhã no McDonald’s, ora, onde já se viu guias turísticos levarem pobres adolescentes para comer no Mac logo cedo?? Que absurdo, é claro que queriam nos engordar… E nem preciso mencionar os outros fast-foods que freqüentamos no decorrer do passeio…

Anos mais tarde (2000) fiz um cruzeiro pelo Caribe e pasme, comilanças não faltavam em momento algum, sempre tinha um local disponível com um belo buffet de cafés, doces, salgados, chás, frutas, etc. Mas minha teoria ficou comprovada mesma quando comprei um pacote para República Dominicana, bem convidativo pois o principal slogan do mesmo era “All Inclusive”. A comida não acabava mais, um exagero (bom, é claro). Isso só pode ser alguma organização mundial que promove a engorda de turistas e faz com que todas as agências, operadoras, hotéis e afins sigam às exigências por ela estipulada. Já sei, o OMET (Organização Mundial para Engorda de Turistas) e as principais metas são:

1. Dilatar estômagos do maior número de turistas possíveis, induzindo os mesmos a comer cada vez mais e por fim consumir mais em viagens. Isto faz com que haja um aumento significativo na “economia” do turismo gastronômico local.

2. Quanto mais come o turista, mais glutão ele fica e consequentemente irá induzí-lo a adquirir pacotes que tenham comilanças inclusas em seu roteiro. Food Tourism, rota dos vinhos, degustação de queijos, chocolates artesanais, sistema all inclusive (hum, não é irresistível?).

3. Quanto mais gordo o turista maior a possibilidade de vender pacotes em resorts e spas. Geralmente o público saudável é aquele que prefere se aventurar e dificilmente irá investir em passeios deste gênero que tendem a ser mais relax. Portanto, gordinhos e menos dispostos são mais propensos a comprar pacotes deste gênero (essa foi boa, né?).

Provavelmente existem mais outros milhões de motivos de engorda, mas não poderia citar todos… Iria faltar espaço… Hehehe.

Ok, agora se você leu tudo isso e não concordou nem entendeu bulhufas, não esquente!! O importante mesmo é saber que hoje em dia conseguimos turismo com comida farta e de excelente qualidade por um preço bem acessível. E não se preocupe em engordar… Apenas “experimente e se delicie” com as maravilhas da diversidade gastronômica mundial. Isso não tem preço nem quilos a mais que pague!! Ah, podes ignorar a teoria, só não esqueça dela em suas viagens!!

Conheça a Carol Wieser

Carol Wieser escreveu 165 posts para o TRAVEL FOREVER.

Criadora e editora do blog, adora colocar os pés na estrada! Está sempre planejando uma nova viagem. Sua Bucket List é enorme (e azul), dificilmente irá conhecer todos os destinos que deseja, mas continua esperançosa!

Tags:

One Response

Leave a Reply

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>