Safari (s) – Kruger Park

Posted by & filed under ÁFRICA, ÁFRICA DO SUL, Safari Kruger Park.

Saímos cedo de Cape Town com destino à Jo’Burg again…lá pegamos um avião menor (South African Express) para Hoedspruit. A viagem leva em torno de uma hora e logo a paisagem (que se vê lá de cima) começa a mudar, no inverno a cor do parque fica amarelada e simplesmente linda. O aeroporto em Hoedspruit é pequeno e todo cercado para evitar que os animais entrem, mesmo assim, quando pousamos conseguimos ver um springbok saltitando na lateral da pista. Um pequeno imprevisto ao pegar a bagagem, uma de nossas malas não chegou e perdemos um tempão para tentar resolver a situação. Naquele momento era melhor não estressar para não estragar o passeio e segundo eles, no outro dia quando a mala chegasse entregariam para a gente no Lodge. Nosso transfer nos levou para a reserva e a primeira surpresa: o carro que veio nos buscar já era o jeep do safari! Saindo do aeroporto, cruzamos uma estrada e entramos nos portões da reserva privada. Dalí são 21 km até chegar ao Kapama Lodge e pelo caminho já avistamos zebras, girafas, kudus, impalas e macacos.

Chegamos ao Lodge e às 13h começava o nosso primeiro safari, deu tempo apenas de deixar as malas no quarto, dar uma olhada rápida no hotel, tomar o café que eles preparam (para engordar os turistas) e ir para o carro. Todos os safaris dentro da reserva são feitos em jeeps abertos 4×4, especialmente modificados para a aventura. Os bancos têm níveis diferentes e todo mundo fica muito confortável além de ter uma visão privilegiada, sem cabeções na frente para poder tirar boas fotos. Nosso rastreador shangaan, Johnson, era muito bom e “a” ranger uma simpatia em pessoa. Demos sorte, pois o pessoal que foi junto no passeio eram bem bacanas e nosso safári já começou perfeito. Ainda durante o dia, vimos elefantes, búfalos, sem falar nos kudus, impalas e springboks, que estes estão por toda a parte. No inverno a vegetação está bem seca e os arbustos não são tão volumosos, o que facilita para encontrar os animais. Nesta época, os elefantes derrubam as árvores para se alimentarem das raízes que é bem nutritiva, pois as folhas estão muito secas. Presenciamos algumas cenas dessas e achamos o máximo. Uma facilidade imensa ao derrubar árvores e arbustos…easy, easy!

Logo ficou escuro e é impressionante como a temperatura cai junto com o sol. A média nesta época do ano é 20ºC durante o dia e pode baixar até 0ºC durante a noite. Sentimos isso na pele, foi muito frio… mas compensa ao avistar os bichinhos. No escuro o guia, fica apenas com um spotlight e ao percorrer a selva, vamos achando os animais pela cor brilhante que reflete dos olhos. Foi assim com o leão. Grande, muito grande e paramos do ladinho…muito perto mesmo do bicho. É um momento digamos excitante, arrepiante e angustiante, estar cara a cara com um dos BIG 5. E não é por que é grande não, eles são chamados assim por serem os mais perigosos da África. Voltando ao leão…silêncio, ninguém se mexe e nem fala nada. Olha, não tenho palavras e o rugido então, dizem que consegue-se ouvir até 6km de distância. Arrepiou!!! Valeu nosso safari. Voltamos ao hotel, mais tarde comemos em belo estilo boma com um bom vinho africano. Na primeira noite não dormi praticamente nada, tinha um leão que ficou rugindo a noite inteira…e parecia tão perto…fora os outros bichinhos que pareciam estar na porta, faziam barulhos estranhos…não quis identificar o que era, mas a sensação é bem estranha…talvez isso faça o lugar mais alucinante ainda.

saf_00.jpg
Bibo e eu, a caminho do lodge.
saf_01.jpg
Este é o Freedom. Gente boníssima.
saf_02.jpg
Kudu…COMI em forma de Billtongs, muito bom! Lembrei da Silvinha nesta hora… Ai pecado!
saf_03.jpg
Nialas…
saf_04.jpg
Impalas…
saf_05.jpg
Zebras…burrinhos de pijamas. Bem bonitinhos.
saf_06.jpg
saf_07.jpg
Saindo do hotel para o 1º Safari…
saf_08.jpg
O rastreador shangaan fica lá na frente…”a” ranger é quem dirige e sempre estão armados…
saf_09.jpg
Baby elefante…muito fofo.
saf_10.jpg
saf_11.jpg
Aqui dá pra ter noção de quão perto a gente chega dos animais…
saf_22.jpg
Hahaha…E você achava aquela foto perto? Suava frio nesta hora…Se o Johnson não se mexer, tá tudo ok galera…relaxe!saf_12.jpg
saf_13.jpg
saf_14.jpg
O Bibo dando uma de Johnson…
saf_15.jpg
Eu também, claro, não podia perder a oportunidade. Este é uma dos poucos lugares que dá pra sair do carro. Pausa para o sundowner caffee…ok, de novo tentando engordar os turista. Até no safari!! Pode?
saf_16.jpg
Dois detalhes muito importantes na foto: 1º claro, a boa companheira cervejinha…
2º detalhe, manada de búffalos(atrás) bebendo água no lago…ou seria cerveja???
saf_17.jpg
A ranger, simpatia em pessoa e Johnson, rastreador shangaan, ele que fareja e procura pegadinhas de animais pelo caminho. Uns fofos.
saf_18.jpg
O encontro com O LEÃO….
saf_19.jpg
Parece inofensivo.
saf_20.jpg
Mas não é não…ai…medo!
saf_21.jpg
Aposto que foi ele que não me deixou dormir…

Nosso hotel era muito legal, bem estruturado e lindo, fica do lado de um lago e se você tiver sorte pode avistar alguns bichinhos bebendo água. Dentro da reserva privada tem três complexos do grupo: O Kapama Main Lodge (o nosso), O Kapama River Lodge e o Kapama Buffalo Camp (tendas). O nosso era o mais luxuoso deles, mas todos eles são bem estruturados e tem horário pra tudo: horário de safari, de café, de descansar, de almoço…e assim por diante. Na real você está lá por um único motivo que é o SAFARI então tudo gira em torno disso…entrando no ritmo você nem reclama quando fica sabendo que o próximo safari é 5h30 da manhã…ai, ai… Acordamos, fizemos um desjejum rápido, e fomos para o jeep. Esta hora da manhã é muito frio e tem uma neblina tão densa que chega a molhar a roupa e capuz. Mas como o Kapama é super 10 e pensa em tudo, tinha cobertinha e bolsa de água quente no jeep para se esquentar. Que chique! Neste segundo safari vimos búffalos (de pertinho), rinocerontes, girafas, javalis, macacos e leão (agora de dia). Depois do safari, almoço, descanso, comida e safari de novo (15h) e mais bichinhos…o jantar foi em estilo BOMA, muito legal, é uma tradição africana, o local é de areia, cercado por troncos de árvores, uma fogueira acesa no meio e um belíssimo buffet com algumas variedades de pratos africanos e carnes de caça (provei todas e trouxe alguns billtongs bits na mala). No outro dia um último safari pela manhã e depois tchau, tchau…Next stop: Johannesburg.

saf_23.jpg
Búfalo, logo cedo…com muita neblina.
saf_24.jpg
Kudu.
saf_25.jpg
Javalis.
saf_26.jpg
saf_27.jpg
Girafas.
saf_28.jpg
Rinos.
saf_29.jpg
Para provar que eu estava lá…
saf_30.jpg
saf_31.jpg
A maioria dos lagos nesta época do ano estão secos, mas este ai tava bem cheinho até…e é aqui, nesses poucos lugares que os animais bebem água…
saf_32.jpg
saf_33.jpg
saf_34.jpg
Alsguns primatas…
saf_35.jpg
Não gostava quando ele me olhava assim…
saf_36.jpg
saf_37.jpg
Não é muito confiável dar as costas para um leão…ok, mas este momento valia uma foto.
saf_38.jpg
A turma reunida.
saf_39.jpg
Confirmando minha teoria da engorda,  agora é uma paradinha para café da manhã…sei…ahã.
saf_40.jpg
Paisagens estonteantes.
saf_41.jpg
Voltando do safari da manhã.
saf_42.jpg
Dentro do lobby do Kapama.
saf_43.jpg
Note que em geral os decks do hotel são elevados do chão…segundo o pessoal, o hotel é cercado, seguro e pode-se caminhar livremente por toda área. Não achei as cercas, mas sim um Kudu e uma Niala passeando pelo Lodge!! Como isso aconteceu? Não sei, mas mereceu uma foto. De qualquer maneira, dava uma olhadinha básica e estratégica antes de sair do quarto e claro pedia para o Bibo ir primeiro…eu ein, para comida de leão eu não sirvo!
saf_44.jpg
Se ele entrou, imagina um gatinho…
saf_45.jpg
Bom, em todos os casos, melhor carregar a arma antes do próximo safari. Essa mata elefante!
saf_46.jpg
Bicho esperto, fica só esperando…
saf_47.jpg
Mas um momento de nostalgia…
saf_48.jpg
saf_49.jpg
Pra provar de novo…nós estávamos lá!!!
saf_50.jpg
Cruzamos por uma manada de elfantes, eram 11 no total. Foi muito legal, o carro ficou cercado.
saf_51.jpg
saf_52.jpg
saf_53.jpg
Os bichinhos (fofos) indo embora…ao pôr do sol.
saf_54.jpg
Momento de descontração…até que o Johnson aprendeu direitinho o jeitinho brasileiro…hehehe
saf_55.jpg
Boma – Nosso jantar estilo africano.
saf_56.jpg
Turma reunida: Armstrong (California), Bibo, eu, Ranger(até agora não aprendi o nome dela, é Africano e dificílimo), Carls & Karin (Pretoria-Africa) e Beth (California).
saf_57.jpg
saf_59.jpg
Foram 4 safaris ao total. É uma peninha ter que ir embora…
saf_60.jpg
saf_61.jpg
No aeroporto de Hoedspruit.
saf_62.jpg
Nosso avião.

Conheça a Carol Wieser

Carol Wieser escreveu 165 posts para o TRAVEL FOREVER.

Criadora e editora do blog, adora colocar os pés na estrada! Está sempre planejando uma nova viagem. Sua Bucket List é enorme (e azul), dificilmente irá conhecer todos os destinos que deseja, mas continua esperançosa!

Veja também:

Tags: , , , ,

23 Responses

  1. Margarida 11 de dezembro de 2007 às 6:35

    Carol
    Vim dar mais uma olhada ao seu blog! Adoro as fotos!! Aquelas com os gatinhos grandes e de dentes afiadinhos estão demais!!
    Só de ver até dá medo! Também gostei dos elefantes!
    Nós por cá também temos gatinhos mas um pouco mais pequenos!Eh!Eh!Eh!
    beijinhos
    Margarida

    Responder
  2. Patricia 21 de junho de 2008 às 20:42

    Olá Carol !
    Meu nome é Patrícia, semana que vem, 30/06/2008 estarei embarcando para Africa Sul, e buscando simplesmente tudo que pudesse me ajudar, achei seu blog na net, e gostei muito, não vou exatamente para o Krueger Park, mas vou para um parecido, o pongola games reserve, vamos para caçar mesmo! E acho que vai estar frio, gostaria de saber em que mês vc foi, pois notei pelas fotos, que estava muito frio qdo vc foi. E se vc pudesse me dar alguma dica de vestuario, pois, vc deve ter se arrependido de algo que não levou, sentido falta, espero que vc leia a tempo meu comentário, pois embarco daqui 6 dias, bjos Pati

    Responder
  3. Carol Wieser | Trave 22 de junho de 2008 às 17:52

    Oi Patricia,

    Que bom que você gostou do blog, e fico mais feliz ainda em poder te ajudar… então vou por partes:

    1) Eu fui no mês de JUNHO/2007 fazer o safari, e sim, estava muito, mas muito frio. Durante o dia a temperatura fica bem gostosa, em torno de 18-20°C, mas a noite e ao amanhecer, que são as horas que os safaris são feitos, é congelante, em torno de 5°C, e pode até chegar a 0ºC dependendo do horário. A neblina é tão intensa de manhã (5h30) que chega a molhar o capuz e o casaco. Portanto se você está indo nessa época é bom se preparar…

    2) Sobre os vestuário, eu levei 2 calças jeans (especialmente para o safari), várias blusinhas básicas (manga cumprida) para usar por baixo, blusa de lã e jaqueta. Foi o suficiente, mas te confesso que podia ter caprichado melhor na jaqueta para não passar frio. Usei Bota (cano longo) praticamente todos os dias e botinha de trilha. Não sei como funciona em relação à caçada, mas acredito que botas e coturnos são a melhor escolha por causa da vegetação, que por sinal contém muitos espinhos. O que eu aconselho a levar e que eu me arrependi de não ter incluído na bagagem foi uma luva (por causa do vento do carro), uma toca (eu só tinha levado boné) e um binóculo. O nosso hotél fornecia cobertores e bolsas térmicas para esquentar durante o passeio. Essa mantinha foi essencial para não molhar a jaqueta, mas se você tiver a opção de levar uma que seja impermeável já ajuda. Note, fiquei apenas 3 dias lá, então sua mala vai depender dos dias que passar por lá. Gola alta ou um chale pro pescoço vai bem… eu não levei e morri de inveja de uma africana que tinha um… hehehe. Protetor solar é importante e sobre a Malária, não se procupe pois não vi um mosquitinho sequer por lá.

    Espero ter ajudado. E aproveite bastante pois é uma experiência inesquecível…

    Abraços
    🙂

    Responder
  4. luisa theme 26 de agosto de 2008 às 11:46

    carol,

    Adorei suas fotos. estou pretendendo ir para Africa do Sul em outubro. Alem do Safari gostaria de conhecer o artesanato e a cultura local. Tem algum lugar com dança tipica e objetos e roupas típicas? Ah quando é inverno lá?
    abraço
    Luisa

    Responder
  5. Juliana 1 de setembro de 2008 às 20:33

    Oi Carol,

    Parabéns pelo Blog!!! MUito bem escrito e as fotos sao maravilhosas…
    Meu foco no seu Blog foi a sua lua de mel….Iremos fazer exatamente o mesmo roteiro em novembro/2008.
    Fiquei curiosa qto a cama ao ar livre no Kapama..sabes algo a respeito? Pagamos cerca de 450 dolares para passar a noite neste lugar, que pelas fotos do site parece ser incrivel, mas ao mesmo tempo, é muuito diferente de tudo, ne?
    Espero sua dica Carol!!!
    beijao, Ju Grubba

    Responder
  6. glauber 23 de setembro de 2008 às 20:32

    Olá,
    parabéns pelo blog, muito bom! estou indo agora dia 10/10 de lua de mel, vou ficar no kapama tb, como é o preço de bebidas, vinhos , cerveja? e o passeio de balão, vcs fizeram? abraço e obrigado!

    Responder
  7. Carol Wieser | Trave 24 de setembro de 2008 às 6:13

    Juliana,

    Tenho certeza que você irá adorar a experiência africana. É muito bom!! Sobre a cama ao ar livre, não tivemos a oportunidade de conhecê-la, mas acredito ser uma experiência pra lá de exótica… dormir no meio da selva, ao ar livre, ouvindo todo o barulho dos bichos e leões…. uau!! Espero que você consiga dormir, pois eu tenho certeza que eu ia ficar a noite toda acordada vigiando a cama!!! Hehehe.

    Muito legal, acho que vale muito a pena sim.

    Beijos

    Responder
  8. Carol Wieser | Trave 24 de setembro de 2008 às 6:28

    Oi Glauber,

    Que delícia!!! Já estou com saudades da minha lua de mel…. bom, sobre os valores, como esperado, as coisas não são muito baratas não… principalmente rótulos de vinhos bons… claro, que tem os mais acessíveis também, mas em geral são meio salgadinhos. Não lembro ao certo valores.
    Sobre o balão… eles oferecem o passeio, mas não fizemos justamente por ser muito caro… na verdade, quase toos os passeios extras são pra cima de 200 doletas por pessoa, desde um simples passeio no dorso de um elefante a outros como balões etc….

    Espero ter ajudado.
    Abs,

    Responder
  9. Fabiana 30 de julho de 2009 às 19:45

    Oi Carol! Voltei!!! Adorei a viagem. O pessoal no Kapama é muito legal. Nossa ranger foi a Meg, filha de uma holandesa e um sul africano e o tracker, Casual. Menina, que frio é aquele batendo no rosto da gente de manhã e à noite?!? Meu rosto ficou todo queimado no primeiro dia. No segundo safari eu me lambuzei de creme… Mas é fantástico ver todos aqueles animais tão de pertinho. Infelizmente não vi o tal leopardo. o bichinho se escondeu da gente também. Conhecemos um casal de portugueses que haviam chegado no dia anterior que o avistaram… Nesta época do ano (acho que foi o período que você esteve lá também) os animais estão todos com filhotes: sra. rino e seu rinocerontezinho (grandinho este filhote rsrsrs), sra elefanta e seu pequeno calf, uns leonzinhos fofos demais! girafinhas (não é bem o que se pode dizer delas, mas já que são filhotes), zebrinhas, impalinhas etc… tudo lindo! Amei!
    E a comida? Quanta pimenta! "Without pepper, please" "Are you sure?" kkkkk Não teve um que não me fez esta pergunta. Volto depois para contar sobre Cape Town e Sun City. Um beijo e espero que esteja curtindo sua nova viagem.

    Responder
    • Carol Wieser 19 de abril de 2012 às 23:29

      :):DxD;)

      Amei receber esse retorno tão empolgado! É impossível não adorar um safari, tudo tão exótico e natural.
      Obrigada pelo feedback, super beijos

      Responder
  10. Fabiana e Jos&eacute 27 de novembro de 2009 às 20:23

    Carol,

    Casamos em maio deste ano e, graças a você, passamos nossa lua de mel na África. Fizemos o mesmo roteiro que o seu e não podia ter sido melhor!!!! As suas dicas foram fundamentais!!!
    Nós Adoramos!
    Por isso, gostaríamos de agradecer sua ajuda, mesmo sem vc saber.
    Bjos e até a próxima viagem,
    Fabiana e José Octavio

    Responder
    • Carol Wieser 19 de abril de 2012 às 23:31

      Nossa Fabiana e José.

      Fico tão emocionada quando o pessoal volta de viagem agradecendo pela minha ajuda (mesmo sem eu saber) 🙂
      Adoro poder contribuir de qq forma para uma viagem bacana.
      Obrigada pelo retorno. Amei.

      :*

      Responder
  11. silvana 8 de novembro de 2010 às 21:04

    Oie!!! Adorei ter encontrado este blog, pois estarei viajando pra Àfrica em Janeiro 2011 com minhas crianças de 8 e 11anos, que estão muito ansiosas e eu tb. Ficaremos no Kapama tb.
    Você tem mais alguma dica? E em Cape Town, tem alguma dica ou conhece algum blog com boas dicas? Meu marido quer conhecer algumas vinícolas, vc indica alguma?
    Obrigada pela atenção! Bjos

    Responder
  12. Maike 19 de abril de 2012 às 20:39

    Olá Carol !!
    Conheci seu blog através de um amigo que foi para a Africa.
    Objetivo com ótimas dicas !!
    Tenho certeza que voltarei a usar. Parabéns !! bjss

    Responder
  13. Luis Carregal 9 de julho de 2012 às 18:08

    Olá, boa noite. Parabéns pela viagem, mas principalmente por disponibilizar as fotos e as preciosas informações. Estamos indo no final de julho começo de agosto a esse mesmo local.
    Esperamos ter a mesma sorte que teve com a possibilidade de ver os animais tão próximos. Se não for pedir demais, você poderia dar algumas informações sobre a malária. Tomou algum medicamento?

    Responder
    • Carol Wieser 13 de julho de 2012 às 7:44

      Oi Luís!
      Não existe medicação especifica contra a malária (não que eu saiba), mas sim uma espécie de prevenção! Na época tomei um polivitaminio de complexo B, pois dizem que essa vitamina B produz um cheiro que espanta os mosquitos (nao se preocupe que a gente nem sente o cheiro)! Comecei a tomar uns 4 dias antes da viagem e durante todo o percurso também (1 comprimido ao dia).
      Se é lenda urbana eu não sei, mas como é apenas uma vitamina, não custa se prevenir!

      Abraços e curta bastante sua viagem!

      Responder

Leave a Reply

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>